QUARESMA

Posted by Luiz Carlos Dalbem on 11:31

A  Biblia fala alguma coisa sobre a Quaresma?

Todos os anos após o carnaval é muito comum ouvirmos falar muito da quaresma. Muitas pessoas ficam confusas sobre o que ela é e se existe. Neste estudo para celula vamos esclarecer essas questões:    O que significa quaresma na Bíblia?

(1) A palavra quaresma significa "quadragésima" e nos remete a um período de quarenta dias. O tempo da quaresma vai da quarta-feira de cinzas até um domingo antes da páscoa, o domingo de ramos. A prática da quaresma é predominantemente católica, apesar de que alguns cristãos de outras religiões também observam esse período. Dentro da doutrina católica esse período de quarenta dias serve, dentre outras coisas, para que o fiel faça jejuns (alguns fazem jejum de carne e de derivados de seres vivos como leite, ovos, etc. O mais comum é o jejum de carne) e observem de forma especial esses dias como dias penitenciais, ou seja, dias em que deve se penitenciar a si mesmo com o objetivo de alcançar o perdão dos pecados e se aproximar de Deus.

 (2) Não temos na Bíblia qualquer menção a respeito da quaresma. Alguns elementos que existem nela como jejum, como buscar vencer o pecado, como buscar a face de Deus de forma especial são bíblicos, porém, o fato de essas coisas serem feitas apenas em um período do ano pode nos levar a pensar que os meros rituais são suficientes para agradarmos a Deus, o que não é uma verdade. Quanto a isso, relembro as palavras do Senhor pelo profeta Isaías: "Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e também as Festas da Lua Nova, os sábados, e a convocação das congregações; não posso suportar iniquidade associada ao ajuntamento solene" (Isaías 1:13).

 (3) O início desse período de quaresma na quarta-feira de cinzas (pós carnaval) ainda traz a muitas pessoas a ideia de que após se entregarem aos pecados no carnaval e no resto do ano, agora irão fazer jejuns e rituais para se purificarem, porém, logo após esse período de quaresma, voltam a mesma vida de pecado e desobediência a Deus, o que faz com que esses rituais sejam meros rituais vazios feitos ano após ano, e que não são recebidos por Deus com alegria, pois não brotam de um coração realmente comprometido com o Senhor.

(4) Muitos evangélicos têm dúvidas se devem participar da quaresma. Em minha opinião, na forma como a quaresma é apresentada, o servo de Deus não deve participar dela. Reconciliar-se com Deus, jejuar, refletir sobre a vida, deixar os pecados, devem ser atitudes que devem nos acompanhar todos os dias e não em apenas alguns dias especiais: Leia  (Salmos 1:2).

(5) Além disso, um dos objetivos da quaresma é se penitenciar com o objetivo de receber o perdão. Esse conceito não é bíblico, pois somente através do sacrifício de Cristo, (que já foi feito), é que podemos ser perdoados, mediante o arrependimento sincero e não usando as penitências como algo necessário ao perdão:Leia  (Hebreus 10:12). Isso significa que penitências, sejam quais forem, não têm o poder de dar perdão a ninguém. Somente o arrependimento sincero pode nos reconciliar com Deus (1 João 1:9).

(6) Infelizmente, a nossa cultura, de forma profana, tem estabelecido que as pessoas possam se "liberar" para realizar todas as suas fantasias pecaminosas nas festas profanas e depois, por meio de um ritual de quarenta dias, se purificar dos erros cometidos. Esse tipo de pensamento fere os princípios bíblicos e não deve estar no pensamento dos servos de Deus, pois é uma zombaria a
Reações: